Campeonato Brasileiro

Flamengo registra mais oito casos positivos para o novo coronavírus

Landim (presidente), Domènec (técnico), Marcos Braz (vice de futebol), além dos jogadores Gabriel Batista, Thuler, Rodrigo Caio, Renê e João Gomes estão infectados pelo coronavírus

Marcos Braz é um dos infectados pelo novo coronavírus | Thiago Ribeiro/AGIF

O Flamengo, que já confirmou sete casos positivos para o novo coronavírus no elenco, além de mais dois casos na comissão (o médico do clube e um membro do Departamento de Futebol), agora tem outros sete testes que detectaram a presença da Covid-19: o goleiro Gabriel Batista, os zagueiros Thuler e Rodrigo Caio, o lateral esquero Renê, o meia João Gomes, o técnico Domènec Torrent, o presidente Rodolfo Landim e o vice-presidente de futebol, Marcos Braz, são os novos infectados.

Na última terça-feira (22), após muitas reviravoltas justamente por conta dos sete casos de coronavírus entre os jogadores, o Rubro-Negro entrou em campo pela Libertadores para enfrentar o Barcelona de Guayaquil, e saiu com uma vitória por 2 a 1 depois de muita pressão da torcida devido à derrota vexatória para o Independiente del Valle, por 5 a 0. Entre os titulares, estavam Renê e Rodrigo Caio.

Todos os atletas do elenco e a comissão técnica passaram por testagens do tipo RT-PCR na chegada ao aeroporto nesta quarta-feira (23), antes de retornarem ao Brasil para seguir com os compromissos no Campeonato Brasileiro. Até o momento, o restante dos jogadores e funcionários não foram identificados como portadores do vírus.

No próximo domingo (27), o Flamengo tem um confronto marcado em São Paulo, contra o Palmeiras, pela 12ª rodada do Brasileirão. Os cariocas buscam o adiamento deste jogo com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), mas, por outro lado, até a noite da última terça, o presidente do Verdão, Maurício Galiotte, acredita que “não há razão” para não acontecer a partida.

Click to comment

Deixe uma resposta

To Top
%d blogueiros gostam disto: