Campeonato Brasileiro

Rossi marca golaço, Bahia vence o Santos e vai à Sul-Americana

Na despedida da temporada, tricolor bateu o alvinegro por 2×0, na Fonte Nova

Com um belo voleio, Rossi garantiu o Bahia na Copa Sul-Americana de 2021 (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

A temporada 2020 passou longe da expectativa criada pelos tricolores, mas o Bahia conseguiu encerrar ciclo da melhor maneira possível. O triunfo sobre o Santos, por 2×0, na noite desta quinta-feira (25), pela última rodada do Brasileirão, garantiu ao Esquadrão uma vaga na Copa Sul-Americana de 2021.

A classificação foi possível graças aos gols anotados por Rossi, no primeiro tempo, e Alesson, no segundo, combinados com a derrota do Sport para o Athletico-PR, por 2×0, na Arena da Baixada. O duelo com o alvinegro marcou ainda a despdida do volante Gregore, que após três anos no clube foi negociado para o futebol dos Estados Unidos.

O tricolor encerra a Série A na 14ª colocação, com 44 pontos. O clube agora foca na temporada 2021, que além da Sul-Americana tem no calendário o Campeonato Baiano, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série A.

Golaço de Rossi
O tricolor entrou em campo com o mesmo time que goleou o Fortaleza por 4×0, no Castelão, e não demorou para balançar as redes.

Aos 11 minutos, Rossi recebeu lançamento de Rodriguinho e saiu de cara com João Paulo. O atacante chutou forte, mas o goleiro fez boa defesa.

João Paulo só não segurou quando aos 14 minutos Rodriguinho cobrou escanteio, Gregore raspou de cabeça e Rossi mandou um bonito voleio para abrir o placar. Golaço do camisa 11.

Depois do gol, o Bahia passou a buscar o contra-ataque e levou alguns sustos. Pelo alto, Arthur Gomes criou duas boas oportunidades para o alvinegro. Já o volante Vinícius Balieiro, com o gol vazio, mandou para fora.

Do outro lado, o tricolor quase ampliou quando Matheus Bahia cruzou e Gilberto chegou escorando. A bola passou perto da trave de João Paulo.

Pouca emoção
O Bahia voltou do intervalo com o mesmo time e, assim como na primeira etapa, levou certo calor do alvinegro nos minutos iniciais. Aí o Esquadrão avançou as linhas e tentou controlar o jogo no meio-campo.

Buscando as laterais como válvula de escape, o tricolor quase chegou ao segundo gol quando Rodriguinho recebeu de Rossi e soltou a bomba. João Paulo fez a defesa e no rebote, o próprio Rodriguinho completou, mas a bola parou na zaga.

O Bahia voltou a assustar quando Rossi descolou bom lançamento. Dessa vez Matheus Bahia recebeu livre, mas errou na finalização.

Num segundo tempo de pouca emoção, o jogo passou a ficar travado a partir dos 30 minutos. Para tentar colocar velocidade, Dado colocou os atacantes Alesson e Thiago nas vagas de Gilberto e Rossi. Deu certo.

Aos 45 minutos, Juninho Capixaba desceu bem pela esquerda e cruzou para Alesson, o atacante chegou dividindo com o marcador, mas mandou para as redes, garantiu a vitória tricolor e a vaga na Copa Sul-Americana.

FICHA TÉCNICA
Bahia 2×0 Santos – 38ª rodada do Brasileirão
Estádio: Fonte Nova (Salvador)
Gols: Rossi, aos 14 minutos do 1º tempo, e Alesson, aos 35 do 2º tempo
Arbitragem: Paulo Roberto Alves Junior, auxiliado por Sidmar dos Santos Meurer e  Rafael Trombeta (trio do Paraná).

Bahia: Douglas, Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Gregore, Ronaldo (Ramon) e Patrick de Lucca; Rossi (Alesson), Gilberto (Thiago) e Rodriguinho (Daniel). Técnico: Dado Cavalcanti.

Santos: João Paulo, Fernando Pileggi (Gabriel Pirani), Luiz Felipe, Alex e Wagner Palha; Vinícius Balieiro, Sandry (Tailson) e Jean Mota (Ivonei); Arthur Gomes (Allanzinho), Bruno Marques e Ângelo (Lucas Lourenço). Técnico: Marcelo Fernandes.

Fonte: Correio 24 Horas

 

Comments
To Top