De Olho Na Novela

Fátima Bernardes confessa que insistiu muito para deixar o Jornal Nacional

Fátima Bernardes abriu o jogo sobre como aconteceu toda a sua transição do jornalismo para o entretenimento. No Altas Horas, da Globo, do último final de semana, a famosa detalhou a criação do Encontro.

A global contou que estava decidida a trocar a bancada do Jornal Nacional e, por isso, escreveu uma carta de intenção com a ideia do projeto que gostaria de apresentar na emissora carioca, muitos anos antes de deixar o noticiário.

“Não foi um convite, foi uma insistência. E uma grande insistência. Posso dizer que só aqui entre nós dois: haja insistência”, brincou a famosa.

Sempre gostei de fazer coisas diferentes, fui fazendo umas outras coisas além do JN e pensando em possibilidades. Mas eu imaginava dentro do jornalismo. Queria sugerir um programa para deixar o JN”, comentou ela, lembrando que a ideia apareceu depois da Copa de 2002.

Fátima Bernardes completou: “Escrevi uma carta de intenções (…) Tive a aprovação dessa sinopse, dessa intenção, em 2011. (…) Fui informada que o programa que eu imaginava não era na área do jornalismo, mas na área do entretenimento”.

Cabe lembrar que, durante 13 anos, a apresentadora dividiu a bancada do Jornal Nacional com William Bonner. Questionada sobre sua sensação ao apresentar o telejornal como apresentadora oficial, ela lembrou: “Foi muito legal, foi incrível. Eu olhava para o lado e falava: ‘Uau, eu estou aqui mesmo’”.

Ao assumir o matinal, Bernardes percebeu que a abordagem do público também mudou: “Antes tinha uma certa formalidade. Quando eu vim para o entretenimento, virou conversa de cozinha mesmo”.

Fonte: RD1

 

Click to comment

Deixe uma resposta

To Top
%d blogueiros gostam disto: