Esportes

Murilo Cunha é destaque em torneio virtual de nado artístico

Murilo Cunha, atleta do Clube Paineiras do Morumbi, em São Paulo, foi o grande nome do Brasil na primeira edição do Campeonato Online de Nado Artístico da UANA (União Americana de Natação) disputado no último fim de semana.

O jovem da categoria juvenil competiu na garagem da  casa dele na capital paulista.

“Foi uma competição completamente diferente. Dentro da piscina, a gente sente mais o que vai fazer. Tem aquela angústia para saber se vai dar certo. Nesse torneio não teve aquela vibração, a emoção do momento. Acabou sendo mais uma competição de movimentos, que tivemos que fazer em maior quantidade e com uma maior precisão”, disse à Agência Brasil o Murilo Cunha, de 14 anos.

Murilo foi campeão no leg kick, onde os atletas ficam em posição de agachamento e “chutam” na altura das mãos. “É um momento de preparação física na verdade. Consiste em você se posicionar como se estivesse sentado em uma cadeira imaginária. E, com os braços esticados na horizontal, você deve ficar chutando as suas mãos a maior quantidade de vezes que conseguir e com a maior qualidade possível. Esses são os critérios para a nota”, informou o atleta.

A medalha de prata veio na prova de flexão. “É basicamente você ficar na posição de prancha com as mãos no chão. Depois você vira e fica com a barriga para cima como se fosse uma prancha invertida. E a ideia é ir fazendo esses movimentos alternados a maior quantidade de vezes e com a maior qualidade possível. Os grandes diferenciais nesse exercício são a postura do quadril e procurar ter sempre a ponta de pé. Isso não pode faltar no nado artístico”.  

 

#NadoArtístico

Murilo Cunha é campeão no Leg Kick e é destaque brasileiro no I Campeonato Online de Nado Artístico da UANA. Brasil conquista quatro “medalhas”.

Veja os detalhes aqui: https://t.co/oZ7okvLeHy pic.twitter.com/IbDyLjrZ87

— CBDA (de 🏠) (@CBDAoficial) June 21, 2020

Além do Murilo, o Brasil participou com outros nove atletas nas divisões de exercícios e de idade criadas pela União Americana de Natação. De acordo com a UANA, 180 atletas, de 19 países, participaram da competição.

 

To Top