Nitro News Brasil

Noticias e informações sobre saúde COVID-19,coronavírus, Futebol e muito mais

Na retomada do Campeonato Mineiro, América e Atlético-MG empatam no Independência

Anúncios

Após mais de quatro meses, o Campeonato Mineiro foi retomado com um movimentando clássico. No Independência, América e Atlético-MG empataram em 1 a 1, em partida válida pela 10ª rodada da competição. O galo foi melhor no primeiro tempo e abriu o placar com Nathan, mas o Coelho cresceu na segunda etapa e igualou o marcador com Vitão.

Com o resultado, o Atlético-MG caiu para o 4º lugar, com 19 pontos, e não garantiu vaga na próxima fase com uma rodada de antecedência. O América, por outro lado, continua como líder e invicto, mas pode perder a posição caso o Tombense vença o Coimbra neste domingo.

Foto: Divulgação/Mourão Panda

Na quarta-feira, o Galo vai enfrentar a Patrocinense no Mineirão, na última rodada da primeira fase do Estadual. No mesmo dia, o Coelho vai visitar a URT.

O jogo – O Atlético-MG foi superior durante todo o primeiro tempo. Com apenas três minutos de partida, Marquinhos tabelou com Hyoran e obrigou o goleiro Airton a fazer uma boa defesa. Aos 12, Savarino tocou para Nathan nas costas da defesa do América e o camisa 23 tentou encobrir o arqueiro do Coelho, mas a bola foi desviada e acabou indo para fora.

Três minutos depois, Guga cobrou um longo lateral para Hyoran, que dominou livre dentro da área. Mesmo cara a cara com Airton, o meia demorou para finalizar e acabou perdendo a bola.

Siga nosso site no Google News
googlenewsseguir

O grande destaque do Galo na primeira etapa foi Jefferson Savarino. O ponta-direita infernizou a defesa do América com dribles e jogadas de velocidade. Aos 17 minutos, o venezuelano viu Airton sair do gol de forma errada e tentou tocar por cima, assuntando o Coelho.

Depois de muito pressionar, o Atlético abriu o placar aos 30 minutos. Após uma boa troca de passes, Marquinhos recebeu pela esquerda e cruzou na medida para Nathan, que desviou de cabeça e balançou a rede.

Com o gol sofrido, o América se lançou ao ataque e gerou sua primeira e única grande chance do primeiro tempo. Leandro Silva cruzou para Léo Passos, que ganhou de Réver e finalizou, mas o arremate passou por cima da meta de Rafael.

Antes do intervalo, Savarino ainda teve duas oportunidades de ampliar o placar. Aos 40 minutos, o venezuelano dividiu com a defesa do Coelho, driblou dois marcadores e, desequilibrado chutou para fora. Nos acréscimos, o ponta-direita aproveitou o lateral longo de Guga, avançou e tentou o chute, mas a bola acabou indo pela linha de fundo.

O panorama da jogo mudou no segundo tempo. Com a desvantagem no marcador, o América foi para cima e passou a pressionar o Galo. Depois de alguns cruzamentos perigosos, Zé Ricardo mandou uma bomba de fora da área aos 13 minutos que passou perto do gol atleticano.

O volante do Coelho também foi o responsável por outra grande chance aos 16 minutos. O camisa 5 tentou finalizar duas vezes e, na segunda oportunidade, chutou forte no alto, mas Rafael fez uma bela defesa e impediu o empate. O goleiro ainda fez outro milagre quatro minutos depois, salvando o arremate de Juninho com a perna.

Aos 26 minutos, o Galo teve a melhor oportunidade de garantir a vitória. Savarino fez uma boa jogada e tocou para Marrony, que só tinha o trabalho de empurrar e sair para comemorar. O atacante chutou muito mal e Airton acabou fazendo a defesa.

O América empatou aos 30 minutos em uma falha da defesa do Atlético. Fábio Santos tentou afastar de cabeça, mas a bola bateu em Júnior Alonso e sobrou para Vitão, que deixou a partida com números finais.

Após o empate, o Coelho teve mais uma chance em cobrança de falta de João Paulo, mas Rafael se esticou para fazer a defesa. Cansado, o Galo não conseguiu repetir o bom primeiro tempo, viu o América melhorar na etapa complementar e o duelo terminar em 1 a 1.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-MG 1X1 ATLÉTICO-MG

Data: 26 de julho de 2020, domingo
Local: Independência, Belo Horizonte
Horário: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Ronei Cândido Alves
Assistentes: Marcus Vinícius Gomes e Felipe Alan Costa de Oliveira
Cartões amarelos: Zé Ricardo (América-MG); Júnior Alonso (Atlético-MG);
Público e renda: Não foi permitida entrada de torcedores.

GOLS
AMÉRICA-MG: Vitão, aos 30 minutos do 2º tempo;
ATLÉTICO-MG: Nathan, aos 30 minutos do 1º tempo;

 

AMÉRICA-MG: Airton; Leandro Silva, Lucas Kal, Eduardo Bauermann e Sávio (Geovane); Zé Ricardo (Flávio), Juninho e Alê; Ademir (Vitão), Felipe Augusto (Matheusinho) e Léo Passos (João Paulo)
Técnico: Lisca

ATLÉTICO-MG: Rafael; Guga, Júnior Alonso, Réver e Fábio Santos; Allan, Nathan e Hyoran (Alan Franco); Marquinhos (Léo Sena), Marrony e Savarino
Técnico: Jorge Sampaoli

Fonte: Gazeta Esportiva

 

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: