Esportes

Palmeiras vence Grêmio em Porto Alegre e abre vantagem na final da Copa do Brasil

Grêmio foi batido por 1 a 0 pelo Palmeiras neste domingo (28) e saiu em desvantagem na final da Copa do Brasil 2020. O zagueiro Gustavo Gómez marcou o gol do triunfo alviverde ainda no primeiro tempo e viu o companheiro de zaga Luan ser expulso aos 18 minutos da etapa final. Com um homem a mais, os gaúchos tentaram pressionar no fim do jogo, mas não evitaram o revés.

O duelo, realizado na Arena do Grêmio, chegou a ter horário alterado por pedido do governo do Rio Grande do Sul. A administração estadual determinou bandeira preta e aumentou o alerta contra a Covid-19 em todas as regiões do Estado.

A grande final da Copa do Brasil está marcada para o próximo domingo (7), às 19h, no Allianz Parque, em São Paulo. Com a vitória de hoje, o Palmeiras se sagra campeão com um simples empate. Em caso de vitória gaúcha por um gol de diferença, o título será decidido nos pênaltis.

Vale lembrar que os paulistas já conquistaram vezes o torneio nacional. Já o Grêmio coleciona cinco taças da Copa do Brasil e pode chegar ao hexa no próximo final de semana.

Contudo, Palmeiras e Grêmio vão entrar em campo pelos Estaduais no meio da semana. O Porco tem o clássico contra o Corinthians nesta quarta-feira (3), às 19h, pela segunda rodada do Paulistão, na Neo Química Arena. No mesmo dia e horário, o Tricolor recebe o Brasil de Pelotas pelo Gaúcho. Os clubes, no entanto, devem usar times alternativos e focar na final da Copa do Brasil, já que a premiação para o campeão é de R$ 54 milhões. O vice fica com R$ 22 milhões.

PALMEIRAS SAI NA FRENTE E SEGURA ÍMPETO DO GRÊMIO NO FINAL

gremio-palmeiras-copa-do-brasil-1024x682

Pepê sob a marcação de Luan, zagueiro que foi expulso no segundo tempo. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

O jogo foi mais movimentado no primeiro tempo, com chances para os dois lados. O único que aproveitou foi Gustavo Gómez. O zagueiro paraguaio subiu bem e testou firme. A bola não foi fácil, mas o goleiro Paulo Victor poderia ter feito mais para evitar o gol.

O jogo teve uma reviravolta aos 19 minutos da etapa final. Luan cometeu falta grave em Diego Souza, que ficou sangrando em campo. O árbitro Marcelo de Lima Henrique havia aplicado apenas o cartão amarelo, mas mudou a cor do cartão após conversar com o assistente.

A melhor chance criada depois disso foi quando Diego Souza cobrou uma falta rapidamente e deixou Ferreira em boas condições. O chute foi em cima de Weverton, que praticou a defesa.

O Grêmio chegou a pressionar no fim, mas sem sucesso. Aos 34, Churín ficou com a bola viva dentro da área e foi travado pela defesa. Já aos 40, os gremistas reclamaram de pênalti após chute de Thaciano, mas o árbitro mandou o jogo seguir. Mesmo com seis minutos de acréscimos e nem assim o time de Renato Gaúcho finalizou com perigo.

Fonte: Paraná Portal

 

Comments
To Top