Mundo

Corpo de Philip, marido da Rainha Elizabeth, é colocado no jazigo da família real britânica

Príncipe Philip morreu aos 99 anos no dia 09 de abril. Cerimônia de despedida foi acompanhada pela rainha Elizabeth e netos, inclusive príncipe Harry.

Rainha Elizabeth II, casada por mais de 70 anos com Philip, é a última a seguir no cortejo durante o funeral de 17 de abril de 2021 — Foto: Leon Neal/Pool/Reuters

O funeral do príncipe Philip, que morreu aos 99 anos, aconteceu neste sábado (17) em uma cerimônia reduzida por conta dos protocolos da Covid-19. Despedida foi acompanhada pela rainha Elizabeth II e netos, inclusive o príncipe Harry.

O corpo do duque de Edimburgo foi levado para a cripta real. Antes, o corpo do príncipe Philip foi velado na Capela de São Jorge, dentro da propriedade real do Castelo de Windsor, onde ele morava com a rainha Elizabeth II.

Príncipes William e Harry acompanham funeral do avô, príncipe Philip — Foto: Jonathan Brady/Reuters

Príncipes William e Harry acompanham funeral do avô, príncipe Philip — Foto: Jonathan Brady/Reuters

Após o fim da cerimônia, a família real retornou ao Castelo de Windsor.

Restrições Covid

Por conta da pandemia de Covid-19 no Reino Unido, apenas 30 pessoas, entre filhos, netos e outros parentes próximos puderam comparecer à Capela de São Jorge.

William e Henry após o funeral do avô, príncipe Philip — Foto: Reprodução

William e Henry após o funeral do avô, príncipe Philip — Foto: Reprodução

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, já havia antecipado que não participaria do funeral para que mais familiares pudessem acompanhar a despedida presencial.

Rainha Elizabeth II se senta sozinha durante o funeral do marido, príncipe Philip, na Capela de São Jorge em 17 de abril de 2021 — Foto: Victoria Jones/Pool/Reuters

Rainha Elizabeth II se senta sozinha durante o funeral do marido, príncipe Philip, na Capela de São Jorge em 17 de abril de 2021 — Foto: Victoria Jones/Pool/Reuters

Além da rainha Elizabeth II, que viveu ao lado de Philip por mais de 70 anos, quatro dos sucessores diretos ao trono participaram da despedida:

  • Príncipe Charles (1º)
  • Príncipe William (2º)
  • Príncipe Harry (6º)
  • Príncipe Andrew (7º)

O príncipe George – 3º na linha de sucessão –, filho de William, e seus irmãos princesa Charlotte (4ª) e príncipe Louis (5º) não participaram da cerimônia por ainda serem crianças (veja a genealogia completa abaixo).

Árvore genealógica da família real britânica — Foto: Arte G1

Árvore genealógica da família real britânica — Foto: Arte G1

O príncipe Harry, que mora nos EUA, voltou ao Reino Unido e teve que cumprir um período de quarentena.

Essa é a primeira vez que ele volta ao país depois da veiculação da polêmica entrevista que ele concedeu ao lado da esposa Meghan Markle à apresentadora americana Oprah.

Príncipe Philip conversa com o neto príncipe Harry em foto sem data — Foto: Família Real/Arquivo Pessoal

Príncipe Philip conversa com o neto príncipe Harry em foto sem data — Foto: Família Real/Arquivo Pessoal

Markle, a duquesa de Sussex, não esteve presente. Ela ficou nos EUA por recomendações médicas. A esposa de Harry está grávida do 2º filho do casal.

Segundo os protocolos sanitários, os convidados tiveram que manter distanciamento durante a cerimônia e usar máscaras de proteção.

O Palácio de Buckingham pediu aos britânicos que não tentassem se aproximar do Castelo de Windsor, próximo a Londres, para evitar aglomerações.

Família real acompanha funeral do Príncipe Philip — Foto: Reprodução

Família real acompanha funeral do Príncipe Philip — Foto: Reprodução

Procissão com filhos e netos

O caixão de Philip foi transportado do Castelo para a Capela de São Jorge – um trajeto de cerca de 600m – em um carro Land Rover modificado.

Rainha Elizabeth II chega a Capela de São Jorge para o funeral do esposo príncipe Philip em 17 de abril de 2021 — Foto: Jonathan Brady/Pool/Reuters

Rainha Elizabeth II chega a Capela de São Jorge para o funeral do esposo príncipe Philip em 17 de abril de 2021 — Foto: Jonathan Brady/Pool/Reuters

O carro com o caixão de Philip foi acompanhado a pé por membros da família real, dispostos ao lado e atrás do veículo.

A divisão oficial da procissão trouxe do lado esquerdo do caixão:

  • Princesa Anne, filha de Philip
  • Príncipe Edward, filho de Philip

E do lado direito:

  • Príncipe Charles, filho de Philip
  • Príncipe Andrew, filho de Philip

Atrás do caixão ficaram o príncipe Harry à esquerda, Peter Phillips – filho da princesa Anne – ao centro, e príncipe William à direita.

Mais atrás, o marido de Anne, vice-almirante Sir Timothy Laurence e David Armstrong-Jones, 2º conde de Snowdon, fecharam o cortejo.

A rainha Elizabeth II foi separadamente para a Capela de São Jorge.

Ele foi carregado por 8 oficiais da guarda pessoal da rainha, que não tinham autorização para acompanhar a cerimônia de dentro da Capela.

Além deles, o reverendo de Windsor e o arcebispo de Canterbury, líder da Igreja Anglicana, fizeram uma saudação especial.

Somando, estas 10 pessoas não fizeram parte da contagem oficial de participantes.

Durante a procissão, militares realizaram disparos em homenagem ao duque de Edimburgo – que fez parte da Marinha britânica.

Membros da guarda real carregam o caixão com o corpo do príncipe Philip dentro da Capela de São Jorge em 17 de abril de 2021 — Foto: Yui Mok/Pool/Reuters

Em todo o percurso, oficiais da Marinha Real, Fuzileiros Navais, Regimento Real da Escócia, e da Força Aérea Real se apresentaram para o cortejo.

Dentro da capela, o caixão foi coberto com o estandarte do duque, uma coroa, o chapéu naval e sua espada.

Roupas civis

Os convidados puderam usar roupas civis e não trajes militares – mas o uso de máscaras em locais fechados foi obrigatório.

Príncipes William e Harry acompanham cortejo em funeral do avô príncipe Philip em 17 de abril de 2021 — Foto: Alastair Grant/Pool/Reuters

A decisão de que uniformes militares, tradicionais para eventos oficiais, não fossem usados está sendo apontada como um aceno da rainha para o neto, príncipe Harry.

Caso os uniformes fossem obrigatórios, Harry e Andrew (filho da rainha) seriam os únicos membros da família real que estariam vestidos com ternos.

Isso porque Harry perdeu suas condecorações ao deixar a família real. O protocolo militar sugere que as vestes oficiais possam ser vestidas apenas com o uso das medalhas.

Já Andrew foi afastado da vida pública após o escândalo causado por sua amizade com o empresário americano Jeffrey Epstein. De acordo com a imprensa, a Marinha Real não teria sido a favor de vê-lo vestindo o uniforme.

Fonte: G1

Comments
To Top